Follow by Email

quinta-feira, 31 de março de 2011

A AMMIVASF FAZ REUNIAO COM OS BOMBEIROS;

A amanha dia 01.04.2011 a Ammivasf estara pela a manha fazendo uma reunião com os bombeiros tendo em pauta assunto em foco andamento do processo das construções das casas da vila militar.

Valor das Diárias da Semana Santa. PORTARIA CONJUNTA SAD/SEFAZ/SDS Nº 028, DE 30/03/ 2011 O SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO, o SECRETÁRIO DA FAZENDA e o SECRETÁRIO DE DEFESA SOCIAL, tendo em vista o contido no § 2º, art. 3º do Decreto nº 25.845, de 11/09/2003, com a nova redação dada pelo Decreto nº 30.218, de 15/02/2007, RESOLVEM: definir os valores a que farão jus, a título de diária, por dia trabalhado, os militares e servidores da SDS e da SERES que estarão em serviço durante a campanha de ordem pública e de defesa ao cidadão (Semana Santa) que ocorrerá durante o período de 21 a 24/04/2011, comprometendo as áreas da campanha com maior incidência de CVLI: Wilson Salles Damazio Secretário: BENEFICIÁRIO VALOR (R$) 1) CIVIS: Ocupantes de cargo em comissão, funções gratificadas de chefia ou assessoramento e titulares de cargos que exijam nível superior; MILITARES: Coronel, Tenente-coronel, Major, Capitão, Primeiro/Segundo tenente, Aspirante a Oficial. 94,01 2) CIVIS: não incluídos no item 1; MILITARES: Aluno oficial 1º/2º/3º ANO, Subtenente, Primeiro/Segundo/Terceiro Sargento, Cabo, Soldado, Alunos do CAS, CFS, CFCb, CFSd 94,01

NEM A POLICIA OS BANDIDOS RESPEITAM MAIS

Motoqueiro acaba morto após tentar assaltar policiais em Jardim AtlânticoNEM

Segundo os PMs, revólver do bandido falhou quando ele tentou atirar

Da Redação do pe360graus.com
Reprodução TV Globo
Foto: Reprodução TV Globo

Um homem foi morto durante uma tentativa de assalto a policiais do Serviço Reservado de Inteligência da Polícia Militar, nesta quarta-feira (30), na rua José Alexandre de Carvalho, no bairro de Jardim Atlântico, em Olinda, no Grande Recife.

Carlos Eduardo Pereira da Silva, 25 anos, e outro homem estavam em uma moto quando abordaram um carro da PM, descaracterizado, onde estavam os dois policiais. De acordo com a polícia, os motoqueiros bateram no vidro do carro e tentaram atirar contra os passageiros do veículo, mas o revólver falhou.

“Ele sacou a arma e tentou um assalto. Ele deu voz de assalto, que não deu para perceber, daí intensificou-se a troca de tiros”, disse o soldado da Polícia Militar de Pernambuco, Edyr Melo.

Os policiais então revidaram com tiros, que acabaram atingindo os dois homens. Carlos Pereira morreu no local e o outro homem, de identidade ainda desconhecida, foi atingido na perna, mas conseguiu fugir

quarta-feira, 30 de março de 2011

Sensação de insegurança é maior no NE; região é a que menos investe no setor


O índice de percepção de insegurança entre os brasileiros é maior na região Nordeste, aponta estudo divulgado nesta quarta-feira pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. De acordo com o Sips (Sistema de Indicadores de Percepção Social) sobre Segurança Pública, 85,8% dos entrevistados nordestinos disseram ter muito medo de serem assassinados.

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2009, os Estados do Nordeste registraram, juntos, a segunda maior média entre as taxas de homicídio doloso das regiões brasileiras (29,3 homicídios dolosos/100 mil habitantes), perdendo apenas para a região Norte (29,5 homicídios dolosos/100 mil habitantes). Além disso, o Nordeste tem a menor média de gastos per capita com segurança pública R$ 139,60 por habitante.

Depois dos nordestinos, os habitantes das regiões Norte e Sudeste são os que mais têm medo de assassinatos (78,4% em cada região), seguidos do Centro-Oeste (75%) e do Sul (69,5%).

O Sudeste, apesar de não apresentar um nível alto de sensação de segurança entre sua população, possui o menor índice de homicídio doloso do país: 21,77 homicídios por 100 mil habitantes. A região tem o maior gasto per capita na área de segurança pública R$ 248,89 por habitante.

De acordo com o Ipea, Minas Gerais e São Paulo, os estados mais populosos, puxam a média da região para baixo, com 7,1 e 11 homicídios por 100 mil habitantes, respectivamente. É no Espírito Santo, estado com gasto per capita de R$ 200,67 em 2009, que se encontra a taxa mais alta, de 57,9 homicídios dolosos por 100 mil, menor apenas que a de Alagoas (63,3 por 100 mil).

Na região Centro-Oeste, a sensação de segurança é relativamente alta e os gastos em segurança pública são superiores à média nacional de R$ 200,07 por habitante. No entanto, a taxa de homicídio doloso (25,4 por 100 mil habitantes) está igualmente acima da média de 22,4 por 100 mil. No Centro-Oeste, o gasto per capita com segurança pública é de R$ 225.

Segundo a pesquisa, os Estados da região Sul apresentam a menor incidência de insegurança.

Com relação aos gastos na área de segurança pública, a região Sul apresenta patamares próximos aos do Nordeste, com um gasto de R$ 172,75 per capita, ou seja, é a segunda região onde, proporcionalmente, menos se gasta com segurança pública.

A pesquisa do Ipea ouviu 2.770 pessoas entre os dias 17 e 31 de maio de 2010. A margem de erro da amostra no nível nacional é de 1,86%, para cima ou para baixo, e de 5% para as regiões do país.

Muito boa notícia para todos os sevidores públicos de Pernambuco, 1º de junho vem aí... SALÁRIOS PMPE E CBMPE: O ESTADO TEM CONDIÇÕES SIM DE ATENDER A DEMANDA SALARIAL DOS PMs E BMs. Conforme matéria abaixo reproduzida, extraída do BLOG DO JAMILDO, com o título “Arrecadação de ICMS bomba e ajuda Estado a fechar contas de 2010 com equilíbrio.”, fica demonstrado de maneira insofismável e irrefutável que o caixa do tesouro estadual de Pernambuco tem condições sim de atender aos anseios dos bombeiros e policiais militares quanto a SALÁRIOS DIGNOS, JUSTOS E NECESSÁRIOS. Quando foi para aumentar os salários dos CARGOS COMISSIONADOS em 51% “ELES” não pensaram duas vezes. E por que não esperaram também o fechamento do famoso QUADRIMESTRE? Por que só levam em consideração o QUADRIMESTRE para alguns e para outros não?! Como disse o sábio TERÊNCIO, “NADA DO QUE HUMANO ME É ESTRANHO.” De fato, quem está no “PODER”, em particular no PODER PÚBLICO, sempre lança mão dos mesmos expedientes protelatórios quando o assunto é AUMENTO SALARIAL PARA OS SERVIDORES PÚBLICOS, independente de partido político e/ou ideologias outras. Por oportuno, não esqueçamos que o foco principal da nossa luta é o AUMENTO SALARIAL SOB FORMA DE SUBSÍDIO. Nós merecemos, fizemos por onde. O “PACTO PELA VIDA” é um sucesso absoluto, pelo que vem sendo usado como paradigma em todo o Brasil na concepção de políticas públicas voltadas para a segurança pública. “OU NAVEGAMOS JUNTOS, OU NAUFRAGAMOS JUNTOS!” Forte abraço! NILSON APARECIDO TORRES GUIMARÃES TEN CEL PMPE Arrecadação de ICMS bomba e ajuda Estado a fechar contas de 2010 com equilíbrio. 30 DE Março DE 2011 Pernambuco fechou as contas do ano de 2010 com saldo positivo reflexo, principalmente, do equilíbrio entre receitas e despesas correntes e de uma arrecadação recorde de ICMS. O imposto cresceu 23,5% em relação a 2009, permitindo a entrada nos cofres públicos do montante de cerca de R$ 8,3 bilhões. O Estado foi o que mais cresceu entre as dez Unidades da Federação que mais arrecadaram ICMS nos últimos quatro anos. Com 72,9% de incremento, ficou acima da média do Nordeste (56,4%) e da Nacional (55,4%). Entre os segmentos que apresentaram um maior crescimento com relação a 2009 estão o de Veículos, com uma arrecadação de R$ 598,6 bi, variação de 37,5%; e de Varejo, com R$ 604,6 bi, crescimento de 34,9%. Já entre os três maiores segmentos econômicos (Combustível, Energia e Telecomunicações), o Combustível foi o destaque com um incremento de 18,4%, o que representa aproximadamente R$ 1,5 bilhão. Os dados foram apresentados pelo secretário da Fazenda, Paulo Câmara, e pelo secretário executivo do Tesouro Estadual, Lincoln Santa Cruz, durante audiência pública realizada esta manhã (30) na Assembléia Legislativa. A execução orçamentária de 2010 fechou com superávit de R$ 441,4 milhões, sendo as receitas totais do ano passado somaram R$ 19,48 bilhões, contra R$ 19,03 bilhões de despesas totais. Foram investidos cerca de R$ 2,5 bilhões apenas no ano passado (crescimento de 18% em relação a 2009) e o governo encerrou o 2010 com uma disponibilidade de caixa da ordem de R$ 1,1 bilhão, que contempla o superávit financeiro do presente exercício e as disponibilidades de caixa do exercício anterior. As cifras possibilitaram aporte de recursos de 26,79% em educação e 17,5% em saúde, ultrapassando os limites mínimos estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (25% e 12%, respectivamente). Os gastos com pessoal do Poder Executivo foram de R$ 5,42 bilhões, comprometendo 43,65% da Receita Corrente Líquida (RCL). Entre 2009 e 2010, Pernambuco cresceu mais de R$ 1,2 bilhão o seu investimento em pessoal, fruto da concessão de reajustes salariais e das contratações realizadas para as áreas prioritárias, como saúde, educação e segurança. Apesar do percentual com pessoal ter ficado abaixo do limite prudencial da LRF (46,55%) e ainda menor (diferença de 9,8%) do que em 2009 (51,8%), não indica um investimento menor da área. Isso porque houve uma maior captação de recursos, por meio de convênios, em decorrência das enchentes que atingiram o Estado no ano passado que fazem parte da Receita Corrente Líquida, porém que não podem ser gastos com pessoal. Já o repasse do Fundo de Participação dos Estados (FPE) ficou em R$ 3,36 bilhões, 7,8% a mais do que no exercício anterior, mas negativo em R$ 353 milhões com relação à previsão orçamentária (R$ 3,71 bilhões). As frustrações, porém, foram compensadas pela arrecadação recorde de ICMS. P

Esta imagem mostra a que ponto chegou a falta de treinamento e o despreparo psicológico de nossos policiais. Chocante ver um policial atacando uma criança.
O que leva um policial a agir assim?

Assembléia Geral no dia 12/04 é mantida Assembléia Geral no dia 12/04 é mantida Mais um passo nas negociações salariais junto ao Governo do Estado. Aconteceu na segunda-feira (28/03), mais uma reunião entre os líderes das entidades representativas de policiais e bombeiros militares com membros da Secretaria de Defesa Social, Secretaria de Administração e Comandos da Polícia e Corpo de Bombeiros. Diante da falta de novidades, a Assembléia Geral para o dia 12 de abril foi mantida. Será mais uma vez no Memorial de Medicina, às 14h.

Arrecadação de ICMS bomba e ajuda Estado a fechar contas de 2010 com equilíbrio Pernambuco fechou as contas do ano de 2010 com saldo positivo reflexo, principalmente, do equilíbrio entre receitas e despesas correntes e de uma arrecadação recorde de ICMS. O imposto cresceu 23,5% em relação a 2009, permitindo a entrada nos cofres públicos do montante de cerca de R$ 8,3 bilhões. O Estado foi o que mais cresceu entre as dez Unidades da Federação que mais arrecadaram ICMS nos últimos quatro anos. Com 72,9% de incremento, ficou acima da média do Nordeste (56,4%) e da Nacional (55,4%). Entre os segmentos que apresentaram um maior crescimento com relação a 2009 estão o de Veículos, com uma arrecadação de R$ 598,6 bi, variação de 37,5%; e de Varejo, com R$ 604,6 bi, crescimento de 34,9%. Já entre os três maiores segmentos econômicos (Combustível, Energia e Telecomunicações), o Combustível foi o destaque com um incremento de 18,4%, o que representa aproximadamente R$ 1,5 bilhão. Os dados foram apresentados pelo secretário da Fazenda, Paulo Câmara, e pelo secretário executivo do Tesouro Estadual, Lincoln Santa Cruz, durante audiência pública realizada esta manhã (30) na Assembléia Legislativa. A execução orçamentária de 2010 fechou com superávit de R$ 441,4 milhões, sendo as receitas totais do ano passado somaram R$ 19,48 bilhões, contra R$ 19,03 bilhões de despesas totais. Foram investidos cerca de R$ 2,5 bilhões apenas no ano passado (crescimento de 18% em relação a 2009) e o governo encerrou o 2010 com uma disponibilidade de caixa da ordem de R$ 1,1 bilhão, que contempla o superávit financeiro do presente exercício e as disponibilidades de caixa do exercício anterior. As cifras possibilitaram aporte de recursos de 26,79% em educação e 17,5% em saúde, ultrapassando os limites mínimos estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (25% e 12%, respectivamente). Os gastos com pessoal do Poder Executivo foram de R$ 5,42 bilhões, comprometendo 43,65% da Receita Corrente Líquida (RCL). Entre 2009 e 2010, Pernambuco cresceu mais de R$ 1,2 bilhão o seu investimento em pessoal, fruto da concessão de reajustes salariais e das contratações realizadas para as áreas prioritárias, como saúde, educação e segurança. Apesar do percentual com pessoal ter ficado abaixo do limite prudencial da LRF (46,55%) e ainda menor (diferença de 9,8%) do que em 2009 (51,8%), não indica um investimento menor da área. Isso porque houve uma maior captação de recursos, por meio de convênios, em decorrência das enchentes que atingiram o Estado no ano passado que fazem parte da Receita Corrente Líquida, porém que não podem ser gastos com pessoal. Já o repasse do Fundo de Participação dos Estados (FPE) ficou em R$ 3,36 bilhões, 7,8% a mais do que no exercício anterior, mas negativo em R$ 353 milhões com relação à previsão orçamentária (R$ 3,71 bilhões). As frustrações, porém, foram compensadas pela arrecadação recorde de ICMS.

domingo, 27 de março de 2011

Blitz contra poluição sonora na avenida Norte, Fábrica Tacaruna e Afogados

Aconteceu nesta sexta-feira uma operação estratégica contra a poluição sonora baseada. Das 8h às 13h, três equipes do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) estarão na Avenida Norte, Fábrica Tacaruna e em Afogados, tentando alcançar os emissores de ruídos abusivos, com foco nos escapamentos dos veículos e nas publicidades volantes.

A operação, baseada através de Termos de Mútua Cooperação Técnica com diversos órgãos, é uma continuidade da Campanha Som Sim Barulho Não, idealizada pelo coordenador do Centro de Apoio Operacional as Promotorias de Justiça do Meio Ambiente (Caop Meio Ambiente), promotor de Justiça André Silvani.

Esta é a primeira operação dentro da Campanha Som Sim Barulho Não que tem o caráter punitivo. Até agora, toda as ações desenvolvidas foram de caráter educativo. No dia 23 de janeiro a campanha completou um ano.

A operação acontece como resultado de um inquérito civil que tramita junto às Promotorias de Justiça de Defesa do Meio Ambiente da Capital, e que apurou e mapeou os principais pontos de poluição sonora no município. Inicialmente estão marcadas três operações para este mês, tanto no Recife quanto em Camaragibe.

O uso de equipamentos ruidosos nos veículos, entre eles a própria buzina, equipamentos de som e alarme ou aparelho que produza sons ou ruídos que perturbem o sossego público, segundo o Conselho Nacional de Transito (Contran), caracterizam infração grave, sujeita a multa e aplicação de medida administrativa, com retenção do veículo para a regularização. o MPPE lembra que os carros de som não são exceção à regra.

Jovem de 19 anos é eleita Miss Penitenciária de Pernambuco

Vencedora recebeu prêmio de R$ 1 mil, em cheque, nesta sexta-feira (25).
Rebecca Rhaysa Suelen Guedes espera julgamento por crime de homicídio.

Glauco Araújo Do G1, em São Paulo

 
A jovem Rebecca Rhaysa Suelen Guedes, 19 anos, foi eleita a primeira Miss Penitenciária de Pernambuco, na noite nesta sexta-feira (25). O evento foi organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (Sedsdh), por meio da Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres). Ele venceu outras onze candidatas das Colônias Penais Femininas do Recife, de Buíque e de Abreu e Lima.
Rebecca Rhaysa Suelen Guedes foi eleita Miss Penitenciária de Pernambuco (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)Rebecca Rhaysa Suelen Guedes foi eleita Miss Penitenciária de Pernambuco (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
As finalistas foram selecionadas entre 90 mulheres por uma comissão julgadora, após a avaliação de critérios como bom comportamento, testes de conhecimento e beleza. Elas desfilaram com trajes de gala e de passeio. Entre os jurados estiveram autoridades de Pernambuco, fotógrafos e jornalistas policiais, escolhidos pelas próprias detentas. O evento foi realizado no Clube dos Oficiais da Polícia Militar de Pernambuco. "A expectativa era muito grande, a torcida das meninas da colônia também era grande. Estava com fé que seria vencedora", disse a detenta ao G1.
Recolhida na Colônia Penal Feminina do Recife desde dezembro de 2010, sob acusação de homicídio - crime que nega a autoria -, ela contou que agora está vivendo dias de rainha. "Entrei na penitenciária com o vestido que usei no desfile e com a faixa de miss. Fui aplaudida por todos os funcionários e por minhas colegas. Foi um momento de muita felicidade para mim. Desfilei pelo corredor entre duas alas para as meninas verem como eu estava. Agora tenho de voltar à rotina da cela."
Concurso também elegeu Soriana Maria da Silva (esq.) como Miss Simpatia (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)Concurso também elegeu Soriana Maria da Silva (esq.) como Miss Simpatia (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
Rebecca espera poder voltar ao convívio com a sociedade o mais rápido possível. "Estou presa pelo artigo 121 do código [Penal Brasileiro], mas nunca fiz isso. Nunca matei ninguém. Ainda não estou sentenciada e minha audiência deve acontecer até o fim deste ano."

A Miss Penitenciária de Pernambuco está solteira, mas disse que não está preocupada em arrumar um relacionamento amoroso neste momento. "Estou concentrada em provar que sou inocente. Aproveito para agradecer a diretora da colônia onde estou, Alana Lígia, pela oportunidade de poder participar desse concurso, que ajuda no trabalho de ressocialização das detentas", afirmou Rebecca.

Rebecca Rhaysa Suelen Guedes durante desfile com traje de gala no Clube de Oficiais da PM (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
Rebecca Rhaysa Suelen Guedes durante desfile com traje de gala no Clube de Oficiais da PM (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
Rebecca Rhaysa Suelen Guedes recebeu prêmio de R$ 1 mil e direito de fazer curso profissionalizante (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)Rebecca Rhaysa Suelen Guedes recebeu prêmio de R$ 1 mil e o direito de fazer curso profissionalizante (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
Pêmio

Rebecca recebeu um prêmio de R$ 1 mil, em cheque, e terá direito a um curso profissionalizante. A detenta Juana D’Ark de Lima ficou em segundo lugar. Inabel Priscila dos Prazeres ficou em terceiro. Além delas, os jurados também elegeram Soriana Maria da Silva como Miss Simpatia. Juana recebeu R$ 500 e Inabel ficou com R$ 250.
De acordo com a Seres, no sistema penitenciário pernambucano, a população carcerária feminina é de 1.516 mulheres, sob os regimes fechado e semiaberto.
Rebecca Rhaysa Suelen Guedes e Inabel Priscila dos Prazeres desfilam durante concurso (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)Rebecca Rhaysa Suelen Guedes (esq.) e Inabel Priscila dos Prazeres (dir.)desfilam durante concurso (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
Candidatas foram maquiadas e fizeram penteados especiais para o concurso (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
Candidatas foram maquiadas e fizeram penteados especiais para o concurso (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
Detentas receberam cuidados especiais para o concurso de Miss Penitenciária de Pernambuco (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)Detentas receberam cuidados especiais para o concurso de Miss Penitenciária de Pernambuco (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
 
Candidatas foram maquiadas e fizeram penteados especiais para o desfile (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)
Candidatas foram maquiadas e fizeram penteados especiais para o desfile (Foto: Divulgação/Paulo Almeida/Seres)

Polícia Federal prende oito agentes da PRF acusados de corrupção

Esquema envolveria agentes responsáveis pela fiscalização na Rio-Santos


Oito policiais rodoviários federais, sendo três com posições de comando na Terceira Delegacia Regional da PRF de Angra dos Reis, no Litoral Sul Fluminense, foram presos na operação que a Polícia Federal realiza desde o início da manhã desta sexta-feira (25). A ação visa combater um esquema de corrupção entre policiais rodoviários federais responsáveis pela fiscalização na rodovia Rio-Santos (BR-101 Sul).

Somente na conta bancária de um dos acusados a investigação apontou o movimento de R$ 2,4 milhões em um mês, sendo que o salário mensal do agente é de R$ 10 mil.

De acordo com a assessoria do Departamento da Polícia Federal (DPF), além de Angra dos Reis, a operação ocorre em Itaguaí, na Baixada Fluminense. No total, dez mandados de prisão preventiva contra policiais rodoviários federais e 20 de busca e apreensão foram expedidos pela Vara Federal de Angra dos Reis. Ainda segundo o DPF, somente um policial continua foragido pois um dos agentes denunciados já estaria morto.

Os fatos que geraram os mandados aconteceram no período entre 2009 e 2010. O primeiro mandado de prisão foi cumprido no posto da PRF em Angra dos Reis. Cerca de 120 policiais federais participam da operação denominada Pisca-Alerta S.A. Os fatos que levaram às prisões ocorreram nos anos de 2009 e 2010.

Clique no nome do colunista para ver outros artigos Alfredo Sirkis* No ano passado o governo, por razões eleitoreiras, deu luz verde para a votação da PEC 300 no Congresso e agora pretende bloquear sua aprovação final por conta dos custos que pretende serem inviáveis. Fica, no entanto, com uma batata quente nas mãos. Estimular e depois frustrar as expectativas de policiais civis, militares e bombeiros de todo o país é perigoso. Vislumbra-se uma crise no horizonte. Mas crise quer dizer também oportunidade. É preciso transcender a abordagem meramente corporativa e considerar um aumento substancial dos salários dos policiais numa perspectiva de melhor qualidade da segurança pública vinculada à imposição, em contrapartida, da dedicação exclusiva com o fim do duplo emprego. O nó górdio da má qualidade de nossas polícias são as escalas de serviço (no Rio, 24h x 48h, na PM, e 24 x 72, na polícia civil) que fazem da profissão policial uma ocupação part time. Na maioria dos casos, o "bico" torna-se a atividade melhor remunerada do policial e a falta de uma rotina profissional bem enquadrada, com os policiais dedicados à segurança pública apenas um ou dois dias por semana compromete seriamente sua qualidade sem falar no muito que facilita atividades típicas de "banda podre". Defendo a dedicação exclusiva e um fundo nacional, nos moldes do FUNDEP, para ajudar os estados a implantá-la. O momento de rediscussão da PEC 300 será favorável para tratar disso. O governo criou uma armadilha para si próprio quando em ano eleitoral apoiou a PEC 300 e agora quer eliminá-la por razões fiscais que fazem sentido mas precisam ser encaradas de uma forma mais ampla, buscando áreas de redução do gasto público que poderiam compensar (Que tal Belo Monte, trem-bala, BR 319, operações Tesouro-BNDES, etc?). Por outro lado, a coisa não pode ser vista meramente como questão corporativa. Deve haver um aumento substancial em troca da implementação severa da dedicação exclusiva. Ela teoricamente já existe mas ninguém respeita nem faz respeitar, vistos os salários muito baixos. É uma das várias condições para chegarmos a policias de melhor qualidade. Mas é básica. Os policiais devem trabalhar só em segurança pública, mesmo no caso de horários especiais e, fora isso, aperfeiçoamento profissional, adestramento e treinamento.

quinta-feira, 24 de março de 2011

ENCONTRO ENTRE LIDERES MILITARES  E VICE -GOVERNADOR FOI POSITIVO  EM ALAGOAS-AL.

Nesta quarta-feira (23), às 10h00 na Vice-Governadoria situada no bairro da Gruta de Lourdes, ocorreu a reunião entre representantes das associações militares e o vice-governador, José Thomaz Nonô, onde foi entregue a planilha de reivindicações de policiais e bombeiros militares.

Na oportunidade estiveram presentes os líderes das associações, entre eles: o presidente da Associação dos Oficiais Militares de Alagoas, o major Fragoso; o coronel R/R Campos da Associação dos Oficiais da Reserva; o cabo Soares da Associação dos Cabos e Soldados; o sargento R/R Guimarães da Associação dos Praças da Reserva; o sargento Theobaldo da Associação dos Sargentos e Subtenentes e o cabo Simas que reivindicaram por meio de argumentos e documentação um piso salarial para a categoria de R$2.800,00.

Na sugestão apresentada, o valor será pago ao soldado da PM, como também ao Corpo de Bombeiros Militar, em início de carreira. Além disso, os reajustes serão equiparados de acordo com graduações e patentes. Entre outros pedidos solicitados pelos representantes militares ao vice-governador estiveram à diminuição da violência e a melhoria na segurança pública.

De acordo com o presidente da Assomal, o major Fragoso, a reunião foi proveitosa com relação à interferência do Governo do Estado em prol de melhorias na segurança pública estadual. “Estamos otimistas e sentimos que esta conversa será apenas o início de novos rumos com relação ao incentivo dado aos militares de melhoria do piso salarial”, disse Fragoso.

Segundo coronel Campos, a conversa foi excelente. “É um bom começo, pois o vice-governador foi receptivo. “Ele aceitou nossa proposta e irá estudá-la junto ao Teotonio Vilela Filho. “A reunião nos deixou otimistas e esperamos uma resposta positiva e em tempo hábil”, comentou.

O sargento Guimarães está com grande expectativa, pois considera que o José Thomaz Nonô mostrou compromisso e interesse em trazer melhorias no que se refere à segurança pública. “É uma prova de que ele está interessado em solucionar nossas solicitações”, explicou Guimarães.

Nonô levará todas as reivindicações da classe ao governador Teotonio Vilela Filho e, em paralelo já solicitou um levantamento financeiro referente aos órgãos estaduais que tem como objetivo resolver este impasse junto à categoria.

terça-feira, 22 de março de 2011

ASSOCIAÇÃO DE MULHRES DE MILITARES PM E BM DO VALE DO SÃO FRANCISCO PARTICIPARAM DO SEMINÁRIO TODOS POR PERNAMBUCO!

                                                                              
A Associação de Esposas de Militares PM e BM do Sertão do Vale do São Francisco (AMMIVASF), partici
param- do Seminário Todos por Pernambuco promovido pelo Governo do Estado e realizado no Campus do Senai dia 17/03/2001 onde tiveram a  oportunidade de conversar com vários secretários do estado, tendo reunião com o Secretário das cidade Danilo Cabral, Nilton Mota Presidente do CEHAB e o superintendente da Caixa Econômica Federal Alex Moraes, onde foi pedido agilidade na construção das casas para os militares.Na ocasião fizeram-se presentes o Deputado Estadual Odacy Amorim e o cordenador da ASCSPE de petrolina, ficando agendado uma próxima reuniao em abril onde será apresentado projetos e serão levados a tropa e sua familias para entrar em forúm de discurssão.

5º BATALHÃO PARTICIPA DO JUSTIÇA E CIDADANIA NOS BAIRROS DE PETROLINA

O programa tem como público-alvo crianças e adolescentes 
INTEGRANTES do 5ºBPM farão palestras para estudantes
  
Palestras educativas, orientações aos educadores, pais e responsáveis, fortalecendo assim a base principal da família e visando as garantias dos direitos fundamentais da Criança e do Adolescente. Todos essas são as metas que o programa Justiça e Cidadania nos Bairros pretende promover com moradores de Petrolina, município do Sertão pernambucano.
Policiais militares do 5º Batalhão da Polícia Militar foram chamados para integrarem o projeto e realizaram palestras sócioeducativas voltadas aos estudantes de escolas públicas da cidade. O lançamento oficial aconteceu nessa terça-feira (15), na Escola Municipal Paulo Freire, que fica no bairro São Gonçalo.
Estiveram presentes ao evento o juiz de Direito da Vara da Infância e Juventude, Marcos Franco Bacelar; o vice-prefeito de Petrolina, Domingos Sávio; as secretárias de Educação e de Desenvolvimento Social e Trabalho, Célia Regina e Tereza Virgínia, respectivamente; além de representantes do Conselho Tutelar, da Defensoria Pública e agentes de proteção do Juizado da Infância e Juventude.

Fonte: Site da PMPE

ISTO SIM É RESPEITO E DIGNIDADE!!!!!!!!!!

ISTO SIM É RESPEITO E DIGNIDADE!!!!!!!!!!



Presidencia da Republica cria A Carreira Única na PMDF, e dar aumento aos Policiais, Pela Medida Provisória o PM entra Soldado e vai pra reserva como Coronel, Um Coronel passou a ganhar R$ 23.000,00 e um Soldado R$ 8.000,00 Veja a medida provisória.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 62 da Constituição da República Federativa do Brasil, adota a seguinte medida.
Art. 1º Fica instituída a carreira única da Polícia Militar do Distrito Federal a qual incia-se como soldado de 2ª classe e encerra-se como Coronel de Polícia.
Art. 2º – A polícia Militar do Distrito federal criará normas e mecanismos para a ascensão profissional.
Art. 3º – Unificam-se todos os quadros da Polícia Militar ao Quadro de Policiais Militares Combatentes, exceto o Quadro dos médicos que permanecesse conforme se encontra na lei.
Art. 4º – Deixa de existir o número de vagas para promoção, havendo progressão funcional conforme tabela em anexo.
Art. 5º – Todos os benefícios contidos nesta lei estendem-se aos policiais militares inativos, da reserva remunerada e as pensionistas.
Art. 6º – Deixa de existir o interstício e passa a ter progressão funcional conforme tabela do anexo I.
Art. 7º – Estabelece o Mês Março como sendo a data base do reajuste dos Policiais Militares do Distrito Federal.
Art. 8º – Institui o reajuste anual para os Policiais Militares no mesmo percentual concedido ao Fundo Constitucional.
Art. 9º – A promoção para 2º Ten. será exclusiva dos subtenentes ou, quando não houver subtenente habilitado, deverá ser primeiro Sargento obedecendo ao critério da antiguidade.
Art. 10º – Cria-se a gratificação para os policiais militares que estejam exercendo função de monitor, instrutor e ou comandante de pelotões dos cursos de formação e profissionalização.
Art. 11º – Cria-se a gratificação de escolaridade para curso acima de 120horas/aulas no mesmo valor pago referente a um serviço voluntário.
Art. 12º – Para efeitos do disposto no Inciso I do Art. 86, ficam estabelecidas as equivalências de cursos conforme aplicado nesta lei no Art. 105 aos Bombeiros Militares do Distrito Federal.
I – a Curso de Formação de Praças, o Curso de Formação de Soldado;
II – a Curso de Aperfeiçoamento de Praças, o Curso de Formação de Sargentos;
III – a Curso de Altos Estudos de Praça, o Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos;
IV – a Curso de Formação, os cursos superiores exigidos para o ingresso dos militares dos Quadros de Oficiais Militares QOPMA e ESPECIALISTAS.
Art. 13º – O Policial Militar, quando completar trinta anos de efetivo serviço à Corporação, será promovido automaticamente ao posto ou graduação seguinte na escala hierárquica.
Art. 14º – Cria-se a gratificação de escolaridade para os cursos de pós-graduação, mestrado, doutorado, bacharelado no valor pago referente a dois serviços voluntários por cada certificado apresentado.
Art. 15º – Para a progressão funcional ao posto de coronel será exigido os cursos de bacharel em direito, Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais, Curso de Altos Estudos de Oficiais, curso superior de oficial, que serão ministrados a partir do posto de capitão pela PMDF e CBMDF.
Art. 16 – autoriza a venda das licenças especiais e férias não gozadas totall ou parcial para aquisição da casa própria, aquisição de veículos, custear despesas médicas para tratamento de saúde própria ou dependentes, pagamento de dívida com entidade e ou órgãos do governo, aquisição de imóveis. Agora veja a tabela dos vencimentos equiparados aos da polícia civil. Vejam se ficou ruim.
TABELA DOS QUADROS DE POSTOS E GRADUAÇÕES DA PMDF E SEUS RESPECTIVOS
VENCIMENTOS APÓS A PUBLICAÇÃO DA REESTRUTURAÇÃO em 22 de fevereiro de 2011 10:55.

Coronel PM
NÍVEL ÚNICO R$ 23.275,00
Tenente-Coronel PM
  • 03 ANOS /NÍVEL 03 R$ 21.413,00
  • 02 ANOS/ NÍVEL 02 R$ 20.947,50
  • 01 ANO / NÍVEL 01 R$ 20.482,00
Major PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 20.016,50
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 19.561,00
  • 01 ANO / NÍVEL 01 R$ 18.852,75
Capitães PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 18.387,25
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 17.921,75
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$ 17.456,25
Primeiro-Tenente PM
  • 03 ANO/NÍVEL 01 R$ 17.400,00
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 17.300,00
  • 01 ANO/NÍVEL 03 R$ 17.223,50
Segundo-Tenente PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 17.117,00
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 16.687,00
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$ 16.257,00
SubtenentePM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 15.827,00
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 15.361,50
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$14.430.50
1º Sargentos PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 13.965,00
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 13.499,50
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$ 13.034,00
2º Sargentos PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 12.568,50
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 11.870,25
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$ 11.404,75
3º Sargentos PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 10.939,25
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 10.473,75
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$ 10.008,25
Cabos PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 9.692,70
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 9.310,00
  • 01 ANO/NÍVEL 01 R$ 9.298,00
Soldado PM
  • 03 ANOS/NÍVEL 03 R$ 8.238,20
  • 02 ANOS/NÍVEL 02 R$ 7.000,00
  • 1 ANO/NÍVEL 01 R$ 5.952,20
Soldado de 2ª classe Receberá o valor de 60% dos vencimentos do Soldado NÍVEL 03 COM TRÊS ANOS DE SERVIÇO. R$ 4.942,28.
Esta medida entra em vigor na data de sua publicação e revogam-se todas as disposições em contrário.
Blog Stive.com.br