Follow by Email

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Limite de renda para habitação popular sobe para R$ 5,4 mil
O limite de renda para financiamento de habitação popular passou de R$ 4,9 mil para R$ 5,4 mil, conforme resolução do Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) publicada no “Diário Oficial da União” desta quinta-feira (16).

(Inicialmente, a reportagem dizia que o aumento do limite de renda se referia à compra de imóveis com recursos do FGTS dentro do programa Minha Casa, Minha Vida. A informação havia sido passada pelo Ministério do Trabalho. Posteriormente, o governo retificou a informação dizendo que, no programa, o limite de renda é R$ 5 mil).

A resolução do FGTS prevê renda familiar mensal bruta de até R$ 5,4 mil para habitação popular financiada com recursos do FGTS, no caso de imóveis em cidades de regiões metropolitanas ou com população superior a 250 mil habitantes. Nos demais municípios, o limite é R$ 3,9 mil. Para os imóveis dentro do programa financiados com recurso do Tesouro Nacional, o limite de renda é R$ 5 mil.

De acordo com a resolução, pelo menos 150 mil unidades habitacionais serão destinadas a famílias que desejam utilizar o FGTS no pagamento. As regras foram alteradas para se adequarem às mudanças do programa “Minha Casa Minha VIda”.

A segunda etapa do “Minha Casa, Minha Vida” será lançada pela presidente Dilma Rousseff nesta quinta. A meta do governo é construir mais de 2 milhões de casas até 2014, quando termina o mandato de Dilma.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário